Unidade 3 - Jesus veio Salvar o Perdido (Historia)


Jesus veio Salvar o Perdido
Era uma vez um menino chamado Davi. Ele era da EBI e gostava muito de ir à Igreja com a
família. Na rua onde Davi morava, havia um menino chamado Caio, que tinha 10 anos, e era muito
levado. Ele sempre se envolvia em brigas e confusões, batia nas crianças, maltratava os animais e
não respeitava os mais velhos. Dona Jane, mãe de Davi, sempre ia à Igreja. Um dia, ela viu a mãe
de Caio, dona Maria, andando pela rua com o rosto muito triste. Dona Jane perguntou se ela estava
com algum problema e ela respondeu: Estou muito triste por causa do comportamento do meu
fi lho, Caio. Não sei o que fazer para ele mudar. Então dona Jane a convidou para ir à Igreja, e ela
aceitou o convite. No dia seguinte, as duas foram à Igreja e seus filhos foram para a EBI.
Caio foi muito bem recebido pela educadora e pelas crianças, enquanto Davi olhava tudo
com muita atenção. Durante a aulinha, a educadora apresentou Caio para a turma e todos lhe
deram as boas-vindas e oraram por ele.
Quando acabou a aulinha, Davi foi até a educadora e disse que Caio era um menino muito
desobediente e brigão e, por isso, não achava certo ele ser tratado tão bem, pois não merecia tanta
atenção. Davi estava com ciúmes. A educadora disse para Davi que está escrito na Bíblia que o
Senhor Jesus deseja salvar, libertar aqueles que estão perdidos neste mundo vivendo na desobediência
e no erro. Davi foi embora pensando no que havia ouvido. Caio continuou frequentando
a EBI, e a cada dia comportava-se de modo diferente. Não era mais rebelde, brincava com os outros meninos da rua e não brigava mais com eles, tornou-se um bom aluno na escola e todos
começaram a comentar sobre o novo comportamento do menino. Um dia, na EBI, a educadora
perguntou quem tinha um testemunho para dar e Caio contou o que Jesus havia feito na vida dele,
libertando-o de toda desobediência, pois ele havia aceitado o Senhor Jesus em seu coração, o que
deixou toda a turma feliz. Quando acabou a aulinha, Davi pediu perdão para Caio e disse que também
estava muito feliz por Deus tê-lo salvado. E, a partir daquele dia, eles viraram grandes amigos.
Encontre os Visuais:

4 comentários:

Helena Alves Rodrigues disse...

Que maravilha a mensagem é na linguagem infantil,mas o Espírito da mensagem abençoa aos adultos.Muito bom.

Anônimo disse...

Realmente, quando se passa o Espírito da história, dá para notar a forma que as crianças entenderam! Foi maravilho, com certeza somos nós mais abençoadas pois como diz a palavra de Deus: "Mais bem aventurado é o que dá do que o que recebe".

Kátia de Araújo Roacha - Itaim Pta - São Paulo.

Anônimo disse...

Que maravilhosas as historinhas tem ajudado muito às crianças da EBI

Katherine - São Paulo

Anônimo disse...

MUITO LINDA A HISTORIA.AS CRIANCAS DA EBI DE UMBAUBA-SE AMOU A HISTORINHA E FIZERAM ATIVIDADES. CADA UM FALOU COMO IA AJUDAR UM AMIGO.KEITY EDUCADORA DE UMBAUBA- SE.