Unidade 3 - O Exército de Gideão (História)

Crianças vocês se lembram que na última aulinha falamos a respeito de Gideão e o porquê de Deus tê-lo chamado? Pois é, o valente obedeceu à voz de Deus e enviou mensageiros
para convocar aqueles que quisessem ser soldados do exército de Israel. Ele reuniu vários
homens, mas Deus não queria que eles atrapalhassem Seu plano. Então disse para Gideão que
mandasse voltar para suas casas todos os medrosos, e muitos retornaram. Os que ficaram ainda
foram provados por Deus. Ele disse para Gideão: Leve todos para a fonte de águas que fi ca em
Harode. Nome diferente, não é mesmo, crianças? Mas era assim que se chamava o lugar onde
Deus escolheu os valentes. Deus continuou dizendo: os que lamberem as águas com a língua
como lambem os cachorrinhos, coloque esses de lado. Coloque de lado também aqueles que
fi carem de joelhos para beber. Sabem quantos lamberam a água de modo diferente?
Apenas 300 homens. Eles lamberam a água, levando a mão à boca e foram os escolhidos por Deus para lutar com Gideão contra os inimigos, o restante foi dispensado.
Agora Gideão teria que confi ar mais em Deus, pois iria para a batalha com apenas 300
homens. Já imaginaram crianças, lutar contra três nações com apenas 300 soldados?
Ele convocou 32 mil homens e 22 mil eram medrosos e voltaram para casa, sobrando apenas 10 mil; agora ele só tinha 300. Só mesmo um milagre poderia salvá-los. Mas a matemática de Deus é diferente da nossa e a sua maneira de batalhar também.

0 comentários: