Unidade 4 - A Cura de Dez Leprosos (História)



A Cura de Dez Leprosos
ERA UMA vez dez leprosos. Amiguinhos, antigamente, na época de Jesus, os leprosos tinham
que morar afastados das outras pessoas. Nos dias de hoje ainda existem pessoas com esta doença,
e elas fi cam internadas em hospitais preparados para tratar esse tipo de enfermidade, sabem por
quê? A lepra é uma doença de pele, e pode passar de uma pessoa para a outra. Por isso as pessoas
não gostavam de fi car perto dos leprosos. Hoje em dia há tratamento, mas naquele tempo não
tinha não.
Aconteceu que o Senhor Jesus passou perto da cidadezinha onde os dez homens fi cavam. Eles,
ao verem Jesus, começaram a gritar e a pedir que Jesus tivesse misericórdia deles e os ajudasse.
Então, Jesus parou e falou para eles irem até os sacerdotes para serem examinados por eles. Os
sacerdotes eram os pastores naquela época. Com aquelas palavras, Jesus estava determinando a
cura dos leprosos, pois havia um costume naquele tempo de que o leproso, quando ficasse curado, fosse até o sacerdote (pastor) para ser examinado por ele, e se fi casse comprovada a sua cura, o
leproso deveria dar uma oferta para Deus.
Os leprosos obedeceram à ordem de Jesus e foram procurar o sacerdote, porém, enquanto
andavam, algo aconteceu. Sabem o que foi? A pele deles fi cou limpinha, e não havia mais nenhuma
lepra. Que grande bênção! Os leprosos devem ter fi cado cheios de alegria, não é verdade? Os
homens continuaram andando, mas apenas um deles, um homem samaritano, resolveu voltar
e agradecer a Jesus. Os samaritanos eram um povo que não se dava bem com os judeus. Mas
naquele momento, o samaritano mostrou que tinha uma grande fé e gratidão.
Ao chegar perto de Jesus, o leproso se ajoelhou e agradeceu pela cura divina. Jesus perguntou
para aquele homem onde estavam os outros nove homens, mas ele não soube o que responder
para Jesus.
Não deixe de conferir os visuais sugeridos no post:

Unidade 4 - A Cura de Dez Leprosos (Visuais)

0 comentários: