Unidade 4 - O Governador do Egito Reencontra sua Família (História)


O Governador do Egito Reencontra sua Família
Ouvimos na semana passada que José foi colocado como governador do Egito. Ele ganhou
lindas roupas, um cordão de ouro e o anel de Faraó. O rei disse ao povo que, a partir daquele dia,
todos deveriam obedecer ao novo governador, José.
Amiguinhos, durante sete anos teve prosperidade no Egito, e José mandou que guardassem parte de tudo que era colhido das plantações.
Com isso juntou-se muito alimento. Depois dos anos de abundância, vieram os sete anos de fome
e os moradores de outros países já não tinham o que comer e muitos iam até o Egito em busca
de alimentos.
E foi exatamente isso que fizeram os dez irmãos de José. Eles viajaram até o Egito para
comprar comida. O governador José era o responsável pela venda de alimentos para os moradores de outros lugares. E foi nesse momento que ele reencontrou seus irmãos. Eles se aproximaram e
se ajoelharam diante de José, porém não o reconheceram. Muito tempo havia passado, José já era
um homem e estava muito diferente daquele jovenzinho que eles haviam vendido. Porém, José os reconheceu imediatamente, mas não disse quem era. Eles se apresentaram dizendo que estavam ali para comprar comida, que eram doze irmãos, sendo que um havia desaparecido, e o mais novo, que se chamava Benjamim, estava em casa com o pai. José disse que só acreditaria naquela história se levassem o irmão mais novo até ele, e disse que um deles ficaria preso enquanto os outros fossem buscar o irmão mais novo. Eles chegaram a casa e contaram tudo para Jacó que, com medo, não deixou que levassem o jovem. Depois de algum tempo os alimentos acabaram, e Jacó disse aos filhos para irem comprar mais comida no Egito. Eles lembraram que só poderiam retornar se levassem Benjamim junto com eles. E então Jacó permitiu que ele fosse.
Quando eles chegaram, José mandou preparar em sua casa um almoço muito especial para
eles. Os irmãos dele almoçaram e, de noite, José pediu a um servo que colocasse um copo de prata no saco de alimento de Benjamim. Quando estavam voltando para casa, José mandou chamá-los e disse que alguém havia roubado um de seus copos, e o que havia feito aquilo seria o seu escravo a partir daquele dia. José estava fazendo aquilo, pois queria que Benjamim ficasse com ele. Então o servo abriu o saco e pegou o copo.
Os outros irmãos ficaram com muito medo e pediram que não fizessem nada com ele, e
que o deixasse voltar para casa, pois, se chegassem sem ele, seu pai não iria aguentar e poderia
morrer de tristeza, pois ainda sentia muita falta do outro filho que havia sumido. Turma, sabe o que aconteceu?
José começou a chorar e contou a verdade, explicou tudo o que havia acontecido desde o dia que foi vendido. José pediu que fossem buscar o pai, e todos os outros familiares que haviam ficado em sua terra. Ao encontrar-se com o pai, José chorou e perdoou os irmãos. A partir daquele dia, todos ficaram morando no Egito.

Encontre os visuais no post:

Unidade 4 - O Governador do Egito Reencontra sua Família (Visuais)

3 comentários:

Morgana Rossi disse...

Esse mês utilizei todos os recursos visuais que estão disponíveis para contar a história de José. Mesmo em dias como terça-feira as crianças estão compreendendo e respondendo todas as perguntinhas.

Jessica Sousa disse...

Como é maravilhoso servir na ebi. As histórias que contamos lá nos fortalece bastante! As crianças gostaram muito da historia de José desse mês.

Tia Renata Santanna disse...

Através dessa historinha pude ensinar as crianças que José passou por todas as lutas e não deixou de confiar em Deus.Seus irmãos tinham lhe feito tanto mal e mesmo assim ele soube perdoar,e assim nós devemos ser. Na fé