Saber no que pensar...




Uma mente passiva, sonolenta e vazia não consegue fixar entender e assimilar nada. É o tipo de pessoa que você tem a impressão de que está sempre distraída. Parece que a pessoa não está ali. Isso são estruturas levantadas para impedir que a pessoa desenvolva suas potencialidades. Desde criança temos que saber controlar os nossos pensamentos. Se costumamos pensar em coisas ruins mesmo quando não queremos; somos o que o mundo costuma chamar de pessoas negativas.
Mais na verdade quando isso acontece , essas pessoas desde pequenas tiveram suas mentes controladas. E não aprenderam a ter domínio do que pensa.
Quantas vezes a criança consegue ficar horas de frente para um vídeo game, uma televisão mais se participar de um culto ela dorme, se estiver na aulinha ela fica inquieta e não consegue se concentrar!
Algumas vezes pode ser pela idade da criança, pode ser por estar cansada, mais não podemos esquecer da parte espiritual. Que temos uma luta a ser vencida. Por isso vamos ensinar os pequenos a pensar no que é bom, no que é puro, no que é agradável à Deus. As nossas ações são a materialização dos nossos pensamentos.

7 comentários:

Nicole de Morais disse...

É verdade, vejo isso em todas as aulas, crianças que são agitadas, crianças que são super inteligentes, mas que quando estão na igreja não conseguem prestar atenção na palavra e chegam até a dormir. Vou levar para as tias lerem!!!
Nicole, sede do Pré - RJ.

Rosiglésia Campos - Natal/RN disse...

Eis um ponto relevante ´para a renovação da vida de um idivíduo o seu pensamento.Todos queremos viver em novidade de vida, mas, poucos seguem a pureza, a santidade e dignidade de um pensamento elevado a Deus e é exatamente isso que nos traz uma vida em novidade já que nos foi dito que "seriamos RENOVADOS pela TRANSFORMAÇÃO de nossa mente." é exatamente isso que temos quetransmitir aos pequeninos, mas para transmitir algo, tem que se viver. Essa transformação não acontece uma só vez ela se dá dia a pos dia atravez de renuncias. É isso que as crianças preciam aprender principalmente nesta geração de inumeras poluições mentais, visuas e sonoras, manter o foco em Deus e suas mentes guardardas para Cristo. Nós como educadoras cristãs temos que nos revestir com toda a armadura de Deus para vencer essa batalha espiritual,e guerrear em favor das crianças que estão desaparecendo ainda pequenas por terem suas mentes contaminadas.

Juliana Barbosa disse...

É realmente,verificamos isso nas salas,crianças agitadas e outras tão quietas q dormem.Entra aqui a importância de levarmos para a sala uma aula dinamizada e com recursos visuais,pois eles levam as crianças a pensarem no q estamos ensinando,e como o q trans mitimos para eles é sempre a direção de Deus,a consequencia será crianças pensando no que é bom,por mais que o mundo e em casa vejam o contrario,o que aprendem na EBI será sempre mais forte na mente de cada um.
Um forte abraço e um ano mt abençoado para td a equipe.

Educadora Juliana
Cachoeiro-sede/ES

Patricia Costa disse...

Menias,
como é importante termos noção da importância dos nossos pensamentos. É na mente que começa as ações... um grande bj à todas. Patricia Costa.

Fabiana de Oliveira - Uruguaiana - RS disse...

Ótimo artigo, realmente é bom que nós educadoras e os pais também saibam disso, que tudo comece em nossa mente e se não tivermos controle de nossos pensamentos também não teremos de nossas ações e atitudes.Que Deus abençoe a todas!
Beijos da tia Fabiana
Uruguaiana-RS

Rosa - Recife/PE disse...

Concordo com tudo que foi dito, é isso aí vamos agir a fé.Tá ligado!

Rosa
Recife / PE

Tia Jac - Catedral São Carlos - SP disse...

Muito bacana este artigo, juntar a psicologia com o lado espiritual é uma otima forma de olharmos e entendermos o que se passa no mundo das crianças e até mesmo dos adultos!