Como Ensinar a Palavra de Deus para os Pré-Adolescentes- 2ª Parte



Olá queridos educadores! Na primeira postagem sobre este assunto fiz um breve comentário e deixei 2 dicas de como ensinar os pré-adolescentes. Segue abaixo mais algumas delas, que aliadas ao jejum, oração, compromisso e dependência do Espírito Santo poderão auxilia-los neste trabalho.

3ª- Use uma linguagem menos intelectual: ou seja, dirijam-se a eles fazendo uso de uma linguagem menos formal, sem aperfeiçoamentos em ecesso. Isso não significa dizer que vocês a partir de agora só falarão gírias. Basta apenas fazer uso de um vocabulário mais conhecido deles, com o objetivo de tornar a comunicação mais clara.

4ª- Deixe de lado a pose de sabe tudo: falar com os pré-adolescentes com ar de conhecedor da verdade absoluta só os afastará cada vez mais de vocês. Eles precisam tomar conhecimento de que somos seres humano sujeito a erros e falhas assim como eles. Conte suas esperiências ruins vivenciadas na pré-adolescencia e de como vocês gostariam de ter conhecido Jesus nesta fase. Mostre para eles que até hoje vocês continuam cometendo erros e falhas e que nescessitam da ajuda do Espírito Santo para conduzí-los. Ensine-os que o que faz a diferença da nossa vida com Jesus é que reconhecemos os nossos erros e não insistimos mas em viver na prática do pecado.

No momento, é só... E as dicas continuam na próxima postagem. Até mais, e que Deus os abençoe neste belíssimo ministério!
"Continua nestes deveres; porque, fazendo assim, salvarás tanto a ti mesmo como aos teus ouvintes". 1 Timóteo 4.16

8 comentários:

Rosa disse...

São dicas mui valiosas, obrigada pelo carinho dedicado a nós tias educadoras.
Tia Rosa
Recife /Pe

Nicole de Morais disse...

Essa dicas são muito importantes, pois os Pré-adolescentes eles querem ter o conselheiro como um amigo com quem ele possa conversar e se abrir. é só colocar em prática, que vai arrebentar!!
Nicole, sede do Pré - RJ.

Jucelia Freitas disse...

Olá Rosa!

É um imenso prazer para mim poder compartilhar com os educadores o que Deus tem me dado.

Um carinhoso abraço!

Joana Darc disse...

É verdade...muitos adolescente já vem de um lar que geralmente os pais colocam um bloqueio entre eles. e quando chegam na casa de Deus embora sejam adolescente infelizmente muitos vem sofrendo pensando que não tem o valor. e muitas vezes a forma do educador se comunicar o afastará mais ainda. É importante que procuremos ser o mais claro possivél e é bom lembrar que muitos também ao chegar são timidos.
E ouvir durante nossas aulinhas que cometemos falhas e erros isso fará com que eles se abram e fiquem a vontade. muito bom esse ensinamento.

beijos

Educadora Joana / catedral Jundiaí

Anônimo disse...

oie pessoal !

eu sou a tia Esther é eu gostei mto disso, isso tabem da pra fazer com as criaçãs q tem jaa cabeça, q entende ,bacana ...éée eu vou falar com o responsavel pelo PA. pra ele começar a sigi tabem esssa ,dicas pq eu tenho certeza q os adolescentes vão gostar de ter um educador AMIGOS deles aq em


sp .sbc .vl são pedro

Leonardo e Cinthia disse...

Bom dia.
Essa dica foi valiosa, pois a adolescencia é uma fase que devemos mesmo aprender a falar a linguagem deles, para que eles venham não só entender mas também confiar em nós, respeitar e não ter medo.
Beijos, Cinthia - Comodoro RJ.

Leonardo e Cinthia disse...

Obrigado por toda dedicação e amor em nos dar essas dicas. Que Deus abençoe está equipe cada vez mais.

Cinthia Mansur - RJ

Fortaleza - Ce disse...

Quero parabenizar as educadoras do TF.TEEN pelo trabalho maravilhoso realizado com tanto amor e dedicação, pois o mesmo é muito importante a todas as familias e principalmente para o REINO DE DEU. Aonde frequento tenho visto muitos adolescentes se convertendo e pais de alguns deles que não vem a IURD perguntar as educadoras o que é que está sendo feito nas aulas, por causa da mudança do filho em casa. Não existe melhor pagamento que este.